sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Pessoas que sofrem



É bastante natural chorarmos na presença de uma pessoa doente. Na verdade seria por demais estranho estar alheio ao sofrimento do próximo. Entendo que cada sofrimento se constrói durante nossas vidas e que nada é por acaso.


Antes de nascer, algumas pessoas fazem a escolha de adoecer durante a vida para que possam se ajudar ou ajudar alguém. Simples assim: ao sofremos entramos em um contato mais profundo conosco mesmo. Olhamos para o nosso interior e repensamos as nossas ações. 

Uma certa deficiência física pode ser um verdadeiro presente para que se exercite a paciência e a tolerância. A doença no coração pode ser um verdadeiro presente para que se exercite a calma.

Todavia, tenho visto pessoas que embora perfeitamente saudáveis sempre estão queixosas, reclamam de tudo e de todos, só pensam em seu imediato prazer pessoal. Estas pessoas serão os próximos sofredores. tenho notado com a minha clarissensibilidade espiritual (minha capacidade de perceber o mundo espiritual, mental e emocional) que tais pessoas estão gerando em seus espíritos graves doenças que se manifestarão em seus corpos físicos depois de alguns anos.

Embora nem todo mundo entenda, classificadas podem ser nestas categorias as pessoas que sofrem de ansiedades, ciúmes, raivas, ira, preocupações e paixões diversas excessivamente. Estes que sofrem por escolha serão os futuros doentes do amanhã.

Apenas a paz, o amor e a vontade de ajudar os outros pode curar corações tão amargos. Por isso, amado leitor, ame de verdade. Hoje. Não importa como você pensa em fazer, apenas faça. Você precisará disso cada vez mais. Ame!